Após assaltos, Uber passa a exigir CPF para pagamentos em dinheiro

Fonte: g1.com/SP

 

Após assaltos constantes aos motoristas do aplicativo Uber, a empresa criou uma medida de segurança que inclui o número do CPF e data de nascimento de quem for fazer o pagamento em dinheiro.Segundo a Uber, com as informações o motorista fica atento e informado sobre quem estará transportando. A medida deverá entrar em funcionamento nos próximos dias.

A empresa diz que já existe um sistema de identificação de comportamentos suspeitos do solicitante, mas não informa como funciona para não comprometer sua operação.