App é alternativa para quem não tem plano de saúde e não quer depender do SUS

Fonte: Visão Oeste / jornalismo@tvosasco.com.br

De olho em um cenário em que o Sistema Único de Saúde (SUS) parece insuficiente para atender a população e 70% dos brasileiros não possuem plano de saúde particular, segundo pesquisa do SPC Brasil e CNDL, a startup Dandelin desenvolveu um aplicativo que conecta pacientes a médicos, facilitando o agendamento de consultas e socializando os custos reais entre todos os membros de sua comunidade.

Idealizado pelo empreendedor Felipe Burattini e desenvolvido com base em princípios de economia compartilhada, o app tem a missão de oferecer acesso simples, justo e humano aos serviços médicos.

Com o Dandelin, os usuários não pagam o preço da consulta, mas uma mensalidade variável, que é dividida igualitariamente entre todos os membros da comunidade e nunca ultrapassará R$ 100, de acordo com a empresa. Esse foi o valor máximo que a startup estabeleceu.

“Cortamos as burocracias, deixando nossos membros livres para marcarem suas consultas médicas com rapidez, sem vínculos com empresas ou custos fixos”, explica o CEO do Dandelin, Felipe Burattini, que busca disponibilizar uma alternativa ao seguro saúde, reduzindo a despesa dos membros, que terão acesso a consultas ilimitadas.

Como são realizadas nos consultórios dos profissionais cadastrados, o paciente pode procurá-los por localização, especialidade, disponibilidade de agenda, sintomas ou pelo nome do médico desejado.

“Sem transações financeiras no ato da consulta, sem burocracias e mantendo seu histórico de agendamentos”, enfatiza Burattini, que lembra que parte do lucro será destinado a ações sociais. “Levando saúde àqueles que não tem acesso”, garante.

O empreendedor destaca ainda que a plataforma opera de maneira transparente, permitindo que os membros acompanhem demonstrativos financeiros para entender como é composto o custo mensal de cada membro da comunidade e quais são ações sociais em andamento.

“Ele pode acompanhar as próximas consultas e conferir, em tempo real, quanto será o valor debitado para cada membro da comunidade”, diz.

O Dandelin ainda oferece aos médicos, gratuitamente, um software de agendamento de consulta e gerenciamento de operações do consultório e como forma de captação de clientes para os médicos, centralizando de maneira prática e econômica serviços que costumam pesar no orçamento dos estabelecimentos.

Os membros também se beneficiam da praticidade do cadastro, que exige apenas dados pessoais básicos e sem necessidade de pré-aprovação, e pode ser realizado no site da Dandelin.


Sobre o Dandelin

Desenvolvido com base em princípios de economia compartilhada, o Dandelin é um aplicativo que conecta pacientes a médicos. A plataforma facilita o agendamento de consultas, que são realizadas nos consultórios dos profissionais cadastrados.

Assim, o paciente poderá procurar médicos por localização, especialidade, disponibilidade de agenda, sintomas ou pelo próprio nome do profissional.

A plataforma socializa os custos reais de consultas entre todos os membros de sua comunidade. O valor mensal médio para ter acesso ilimitado a consultas médicas é variável e depende do número de consultas que os membros da comunidade realizarem durante cada mês.