Manutenção do Complexo Maria Campos é concluída

A obra de manutenção preventiva que causou a interdição parcial do Complexo Viário Maria Campos tinha previsão de conclusão de até 48 horas, mas foi concluída no mesmo dia e a via já foi totalmente liberada pela Prefeitura de Osasco para a circulação de veículos nesta quarta-feira (19).

“[Após] pouco mais de dez horas de serviço, estamos com a ponte já desobstruída e com a manutenção preventiva executada com êxito e com qualidade”, declarou o prefeito Rogério Lins (Podemos) em vídeo publicado em sua página no Facebook (assista abaixo).

Foi trocada a borracha de uma junta de dilatação do viaduto, que liga a zona Norte à zona Sul de Osasco. O desgaste no material anterior causava uma fissura na via que, mesmo com a garantia da administração municipal e de especialistas de que não havia problemas estruturais, causava temor em motoristas que trafegam pelo local. Principalmente após um viaduto ceder na Marginal Pinheiros, em São Paulo.

Obra de manutenção no viaduto, na manhã desta quarta-feira (19) / Foto: Divulgação/Facebook-Alex da Academia

“Esse complexo viário não tem problema estrutural. Todo mundo pode transitar aqui com muita tranquilidade”, disse o prefeito de Osasco.

Não houve grande impacto no trânsito da interdição parcial da via para as obras de manutenção preventiva ao longo do dia.

Outros viadutos

Outros dois viadutos de Osasco também vão receber obras de manutenção preventiva nos próximos dias, afirmou o prefeito. “Semana que vem a gente vai entrar com a manutenção do viaduto Tancredo Neves, outra via que liga a zona Norte à zona Sul”, disse Rogério Lins. Em seguida, é a vez do Único Gallafrio, que liga Presidente Altino ao Jaguaré, na Capital.

Associação dos Engenheiros e Arquitetos de Osasco acompanha obras no Complexo Maria Campos

Nesta quarta-feira (19), a Associação dos Engenheiros e Arquitetos de Osasco (AEAO), representada pelo presidente, o engenheiro civil Leandro Azeredo Fogaça, acompanhou, junto ao Secretário de Obras, Cláudio Monteiro, o início das obras de manutenção preventiva realizadas no Complexo Maria Campos.

O presidente da AEAO, Leandro Azeredo Fogaça (esq.), acompanhou, junto ao Secretário de Obras, Cláudio Monteiro, o início das obras de manutenção

O presidente reforçou a atuação da AEAO no acompanhamento das obras de manutenção das vias urbanas. “A Associação tem atuado em parceria com a Prefeitura no sentido de orientar e participar das ações que visem à melhoria da funcionalidade dos projetos públicos da cidade, como é o caso da manutenção no Complexo”.

Além de acompanhar as obras, Fogaça falou a respeito da criação de um programa de manutenção de pontes. “A Associação propôs a criação de um selo de manutenção que visa, sobretudo, reforçar a integridade de pontes, viadutos e a segurança dos usuários”, destacou.

Na oportunidade, o presidente parabenizou o Prefeito, Rogério Lins, bem como o Secretário de Obras, Claudio Monteiro, pelo compromisso que assumiram junto à Associação e ao Crea-SP, de iniciar as obras o quanto antes.

Atento aos comentários que os munícipes vêm fazendo nas redes sociais e grupos que discutem a cidade, o presidente da AEAO questionou o secretário a respeito da realização das obras durante a semana e seu impacto na rotina das pessoas.

A Prefeitura afirmou que a manutenção foi antecipada para que a mobilidade na região não seja comprometida justamente no período de maior circulação que deverá se iniciar até o final desta semana, com as comemorações de final de ano, compras e viagens de férias.

O prefeito Rogério Lins agradeceu pela atuação da AEAO junto à administração municipal.

 

Visão Oeste

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *