Prefeitura de Osasco inicia 1ª etapa de remoção das famílias do Açucará

Fonte: Comunicação Prefeitura de Osasco

A Prefeitura de Osasco, por meio do Departamento de Trabalho Social da Secretaria de Habitação e Desenvolvimento Urbano (Sehdu), deu início a primeira etapa de remoção das famílias do Açucará. A medida é necessária para que haja a ampliação do Aterro Sanitário, conforme acordado entre prefeitura e Cetesb.

As remoções envolvem 200 edificações. Para atender à demanda, a Sedhu programou reuniões com as famílias envolvidas. A primeira assembleia aconteceu em 16 de março, oportunidade em que a comunidade formou uma comissão para representá-la junto à municipalidade.

De 4 a 12 de maio, a equipe técnica da prefeitura fez reuniões e plantões sociais para apresentar as alternativas de provisão habitacional às famílias: autoconstrução ou conjunto habitacional com inclusão no Programa Bolsa Aluguel até a conclusão das obras. A equipe também informou sobre o projeto que será desenvolvido no local.

A prefeitura já deu início aos estudos técnicos para o Plano de Desenvolvimento Local para toda a região do Complexo Açucará, a fim de equacionar problemas como enchentes recorrentes, aumento no número de interdições pela Defesa Civil devido escorregamento de solo e incidência de novas ocupações.

REMOÇÕES

Até agora foram removidas 17 moradias do Açucará, que se somam as 25 retiradas em 2016. Para evitar novas ocupações, a prefeitura tem derrubado as paredes das casas que são desocupadas.

De acordo com a Sedhu, a demora das famílias em optar pelas alternativas propostas é fruto da atuação de representantes locais que insistem em contradizer as informações passadas pela municipalidade, além da descrença quanto ao cumprimento de uma ação de reintegração de posse.

Importante ressaltar que a Sedhu mantém o trabalho técnico social através de reuniões, visitas domiciliares, atendimentos individualizados e no ponto de apoio, que funciona na Rua dos Imigrantes, 230, para esclarecimentos à população.

ETAPAS

. Fevereiro/2017 – retomadas as tratativas junto à Concessionária EcoOsasco para prosseguimentos dos trabalhos

. Março/2017 – assembleia com os moradores da remoção da primeira etapa – arrolamento/selagem das edificações

. Abril/2017 – reunião no Gabinete do Prefeito para apresentação das alternativas de provisão habitacional e mudanças

. Maio/2017 – reuniões e plantões sociais para atendimento aos moradores e mudanças