Prefeitura estuda instalação de Ecoponto no Jardim Baronesa

O prefeito de Osasco, Rogério Lins, anunciou na terça-feira, 20/8, em reunião do Mutirão “Amor por Osasco”, com moradores do Jardim Baronesa, que a Administração Municipal estuda a instalação de um Ecoponto no bairro. A cidade já conta com outros seis equipamentos (confira locais abaixo), destinados à entrega voluntária de sobras da construção civil, produtos eletrônicos, móveis velhos, madeira, papel, papelão, metal, plástico, vidros e óleo de cozinha, que integram o Plano de Política Nacional de Resíduos Sólidos e o Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos.

O projeto também favorece a geração de trabalho e renda, através das cooperativas que trabalham com coleta seletiva, e ações de educação ambiental, para garantir um bom desempenho dos serviços, humanização dos espaços, segurança e conforto aos usuários.

O mutirão – agrega uma série de serviços, entre os quais poda de árvores, remoção de entulho, tapa-buraco e sinalização viária – visa zerar a fila por serviços solicitados pelo telefone 156 e também conscientizar a população para a necessidade de ajudar a manter a cidade limpa ao não jogar lixo e entulho nas ruas, calçadas e terrenos públicos ou particulares. Tal atitude contribui para a proliferação de insetos e roedores. O acúmulo de lixo também propicia a formação de criadouros do mosquito transmissor da dengue.

“Não adianta a prefeitura limpar, tirar 50 caminhões de entulho das ruas e logo em seguida o ambiente estar todo sujo. Isso gera custos para os cofres públicos. O dinheiro que administramos é de todos os contribuintes. Temos de ter responsabilidade ao usá-lo. Então, é preciso que a população também colabore ajudando a manter a cidade limpa”, disse o prefeito.

Nas reuniões, além de ouvir os pedidos de demandas e sugestões dos moradores, Rogério Lins também tem informado sobre as ações de governo nas mais diversas áreas, entre as quais a construção de 12 creches (quatro já entregues), reforma das 35 Unidades Básicas de Saúde (UBSs), de algumas alas do Hospital Antônio Giglio (PS Infantil, recepção e internação), aumento do efeito da Guarda Civil Municipal (dobrou o efetivo), instalação de câmeras de monitoramento do sistema Detecta (capazes de identificar veículos com queixa de roubo ou furto), e criação dos dois hospitais veterinários (zonas Norte e Sul).

Também tem falado sobre as ações futuras, como a continuidade na entrega de creches, sendo duas do Mundo da Criança (com cerca de 1.500 vagas, administradas pela FITO), implantação, em dezembro, do Bilhete Único – o projeto já tramita na Câmara Municipal – e construção do Hospital da Criança no Jardim Piratininga (altura do número 800 da Avenida Getúlio Vargas, próximo à Policlínica).

Ecopontos:

Ecoponto Jardim Mutinga – Avenida Ônix, 783

Ecoponto Jaguaribe – Rua Theodoro de Souza Brandão,1020

Ecoponto Novo Osasco – Rua Fernando Miolin Filho, 150

Mini Ecoponto Adalgisa –  Rua Octávio Catelani, s/nº, esquina com a Rua Rui Alvarenga

Mini Ecoponto Bandeiras – Rua João Guimarães Rosa, 220

Ecoponto Jardim Piratininga – Rua Vicente Rodrigues da Silva (entrada da comunidade Flamenguinho)

Ecoponto Helena Maria – Rua Belarmino Alves da Silva, esquina com a Rua Walt Disney (em construção)

Secretaria de Comunicação Social