Rogério Lins e secretários visitam obras e fiscalizam serviços prestados à população

“No nosso governo defendemos que a melhor forma de conhecer os reais problemas da população é acompanhando o dia a dia. Por isso, temos aproveitado o fim de semana para visitar os bairros, conversar com os moradores e ver de perto o que precisa ser feito”, disse o prefeito. Ao lado dos secretários municipais, Rogério Lins promoveu um verdadeiro mutirão da Renovação no sábado, 25/3 para transformar Osasco em uma cidade mais acolhedora, humana e com mais qualidade de vida.

De acordo com o prefeito o objetivo é ampliar os serviços e adequar os equipamentos públicos existentes visando oferecer maior número de serviços à população.

Nas primeiras horas da manhã, Lins visitou o Pet Parque na Vila Yara e conversou com os tutores de animais de estimação sobre a possibilidade de implantação da primeira clínica veterinária gratuita na cidade, aproveitando a ampla área do parque. “Estamos iniciando um estudo para tratar sobre a viabilidade de um local gratuito para atendimento aqui para oferecendo consultas, cirurgias e todos os procedimentos médicos necessários aos animais de estimação”.

No Jardim São Pedro, a equipe percorreu as obras da instalação da futura Creche, projeto em parceria com o governo do Estado que atenderá cerca de 150 crianças e será de extrema importância para diminuir o déficit de vagas na cidade.

O Samu – Serviço de Atendimento Móvel de Urgência ganhará uma nova sede, passando a funcionar no antigo próprio público que está sendo adequado na Vila Yolanda. O amplo local está sendo reformado e abrigará esse importante serviço para a população, proporcionando mais qualidade no atendimento.

Lins aproveitou, entre uma agenda e outra, para acompanhar o 1º Campeonato de Basquete do CEU das Artes Camila da Silva Rossafa no Jardim 1º de Maio onde centenas de jovens praticam esporte e atividades de lazer.

No final da tarde, prefeito e secretários fizeram uma visita surpresa ao Pronto-Socorro do Jardim Santo Antonio para conferir a qualidade dos serviços prestados à população.