Trabalhadores fazem protesto em empresas de Osasco nesta quinta-feira (16)

Fonte: Correio Paulista

 

Cerca de 6h da manhã de hoje, quase 3 mil trabalhadores já estavam nas portas das empresas de Osasco em protesto contra às mudanças pretendidas pelo presidente Michel Temer para a reforma previdenciária.

Ao todo, trabalhadores de 20 metalúrgicas estão participando do movimento, que é realizado pelo Sindicato dos Metalúrgicos de Osasco e Região.

“A gente tem de pressionar para mostrar quem realmente eles têm que ouvir porque, em Brasília, eles só pensam no benefício deles”, afirmou uma metalúrgica da empresa Top Taylor, indignada com a unificação das idades para aposentadoria de homens e mulheres.

As 14h30, a assembleia acontece na Meritor, e às 15h, na Belgo, ambas no centro de Osasco. O objetivo é informar e alertar os trabalhadores sobre a necessidade de luta. “Se a gente não se organizar, o governo vai conseguir fazer passar essas medidas no Congresso Nacional, junto com a reforma trabalhista”, alerta o diretor Gilberto Almazan.