Barueri: Um morre e quatro são baleados em briga por fumaça de cigarro em bar

Uma briga iniciada após a reclamação por fumaça de cigarro terminou com um morto e quatro baleados em um bar no Jardim Tupã, em Barueri, na noite deste domingo (11).

A confusão começou após uma mulher, que participava de uma festa de aniversário, reclamar da fumaça exalada por uma pessoa que fumava no local. De repente, Ronaldo Silveira, de 41 anos, teria entrado na discussão e dito que mandava na área e que não poderia haver briga ali.

Ele acabou agredindo a mulher que reclamou da fumaça de cigarro e atirando no namorado dela. Um guarda civil municipal que estava no local entrou na briga e acabou levando cinco tiros, mas conseguiu reagir e acertou um tiro no peito de Ronaldo, que morreu no hospital.

O CGM foi operado e não corre o risco de morrer. Também acabaram baleados na troca de tiros o dono do bar e um funcionário, mas eles não correm risco de morte.

Ronaldo Silveira já tinha passagem pela polícia por diversos crimes, como cárcere privado, porte ilegal de arma, homicídio, formação de quadrilha e tráfico de drogas.

Com informações do G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.