Inquilino matou mulher em Osasco por cobrança de dívida de aluguel

A execução a tiros da vendedora e palestrante Tábatha Paula do Espírito Santo, de 46 anos, no City Bussocaba, em Osasco, na terça-feira (26), teria sido motivada por cobrança de aluguéis atrasados de um inquilino da tia dela, que seria o verdadeiro alvo do crime. O acusado do crime, Cláudio Martins, foi preso pela Polícia Civil.

Tábata foi baleada e morreu quando saía de carro da garagem de casa, na avenida Lídia Thomaz, com a tia, de 67 anos, e a filha dela, de dez. A tia também foi atingida por disparos, mas sobreviveu e segue internada no hospital. A menina não foi atingida.

O atirador fugiu sem roubar nada em um celta preto que foi filmado por câmeras de vigilância da região. As imagens ajudaram a polícia a chegar a Cláudio.

O crime teria sido motivado por uma disputa judicial pelo pagamento de alugueis atrasados por parte de Cláudio, que era inquilino da tia de Tábatha.

Visão Oeste

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.