Osasco: Motorista de aplicativo agride e ameaça passageira; vídeo

Uma corrida intermediada por aplicativo terminou em agressão do motorista contra a auxiliar administrativa osasquense Alana Jordão, de 22 anos.

A confusão teria começado após a passageira pedir para que o profissional fizesse uma parada para buscar uma amiga, com quem ela dividiria a corrida. O homem se irritou, começou a reclamar, até que pediu para ela descer e cancelar a corrida.

Quando Alana foi descer do veículo, conta que o motorista arrancou antes que ela tivesse saído. “Ela parou, eu fui descer. E ele arrancou o carro comigo meio para dentro meio para fora”, contou, à reportagem da Record TV (assista abaixo). Irritada, ela saiu e bateu a porta do automóvel.

Então, o motorista a perseguiu, gritando que ela teria amassado a porta do carro e xingado a passageira. Até que ele desceu do veículo e partiu para cima de Alana, como mostram imagens de câmeras de segurança de uma casa na rua onde ocorreram as agressões.

Antes de ir embora, o profissional a ameaçou: “Eu sei onde você mora, né?”, disse, em áudio captado pelo celular da passageira, que convive com o medo desde o episódio de violência do qual foi vítima.

Ferida, a mulher registrou boletim de ocorrência por lesão corporal contra o motorista, que não quis se pronunciar sobre o caso. O aplicativo afirmou que ele foi desativado de seus quadros.

Visão Oeste

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.