Osasco recebe Prêmio Josué de Castro pelas ações do Banco de Alimentos na pandemia

Com destaque nas ações desenvolvidas pelo Banco Municipal de Alimentos, a Prefeitura de Osasco ganhou o Prêmio Josué de Castro 2021 – Combate à Fome e Desnutrição. A cerimônia de premiação aconteceu na quarta-feira, 20/10, na sede da Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento, na Praça Ramos de Azevedo, no Centro de São Paulo.

A premiação, que chegou a sua 11ª edição, é uma iniciativa do governo do Estado de São Paulo, por meio do Conselho Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional Sustentável – Consea/SP. O concurso reconhece ações voltadas à formulação de soluções concretas para o combate à fome e a promoção de segurança alimentar e nutricional.

Neste ano, 39 programas ou projetos foram classificados ao Prêmio Josué de Castro, que foi dividido em duas categorias: “Melhor Programa ou Projeto de Política Pública” e “Melhor Pesquisa Científica”.

O projeto “Banco de Alimentos de Osasco no Enfrentamento à Pandemia da Covid-19” rendeu ao município o 3º lugar na categoria Programa/Projeto de Política Pública.

O prefeito de Osasco, Rogério Lins, participou da cerimônia, onde recebeu da primeira-dama do estado, Bia Doria, e do secretário de Agricultura e Abastecimento, Itamar Borges, uma menção honrosa, de reconhecimento do governo de São Paulo pelas ações desenvolvidas pelo Banco Municipal de Alimentos.

Em seu discurso, o prefeito Rogério Lins destacou ações como o programa “Nosso Futuro”, que deve ser lançado em breve pela administração municipal, beneficiando 23 mil famílias osasquenses com o valor de R$225, e apontou que o governo do Estado foi um importante parceiro da cidade por meio do programa “Alimento Solidário”, com a distribuição de milhares de cestas básicas.

“A pandemia potencializou a desigualdade e consequentemente a insegurança alimentar. Com parcerias com o governo do Estado e a iniciativa privada, temos trabalhado para garantir alimentação saudável para aqueles que mais precisam. A gente fica muito feliz por esse reconhecimento”, disse o prefeito Rogério Lins.

Além do chefe do Executivo, também estiveram presentes na premiação: a vereadora Elsa Oliveira, o dr. João Perez e a Mônica Yamada, ambos colaboradores do Banco Municipal de Alimentos, que assinaram o projeto.

BANCO MUNICIPAL DE ALIMENTOS

O papel central do Banco de Alimentos, do Departamento de Segurança Alimentar e Nutricional, é garantir o complemento alimentar adequado às famílias em situação de vulnerabilidade social do município.

Atualmente, mais de 70 entidades do município fazem o repasse dos alimentos captados pelo Banco de Alimentos com empresas privadas. O número de famílias assistidas semanalmente varia entre 2500 e 3000. Em 2020, no período mais crítico da pandemia, o órgão distribuiu mais de 110 mil kits e cestas básicas aos osasquenses.

O Banco Municipal de Alimentos tem diversos parceiros, entre eles o iFood, o Dois Cunhados, a Facily, Ação da Cidadania, Milano, Ceagesp, Rede Metropolitana de Bancos de Alimentos, Carrefour, GPA, o Assaí e outros.

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE OSASCO – www.osasco.sp.gov.br