Rogério Lins visita Expo Papílio 2019

O prefeito de Osasco, Rogério Lins, participou no sábado, 14/9, da “II Expo Papílio Osasco 2019”, promovida pela  Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMARH) e realizada no Núcleo de Educação Ambiental “Padre Angelo Mazzarotto”, instalado dentro do Parque Dionísio Alvarez Mateos (Parque da Fito), no Jardim das Flores.

Rogério Lins visitou os estandes, conversou com munícipes e também relembrou momentos da infância e época de estudante com as dicas dadas por biólogos, entomólogos, cientistas e borboletólogos.

A exposição contou com inúmeras atrações científicas e culturais. A exposição “Origens – A Evolução Humana”, do professor da rede pública estadual, Rogério Corrêa de Souza, criada em parceria com o professor Dr. Walter A. Neves, do Laboratório de Estudos Evolutivos e Ecológicos Humanos, do Instituto de Biociências da USP, foi um sucesso e chamou a atenção porque apresentou o acervo completo do docente de crânios usados em sala de aula e a réplica do esqueleto de “Lucy”, um fóssil da espécie de hominídeo extinto Australopithecus afarensis de 3,2 milhões de anos, descoberto em 1974, na Etiópia.

Além de disponibilizar transporte gratuito com saída da estação CPTM Comandante Sampaio, no Km 18, essa edição da Expo Papílio Osasco contou ainda com o início de um projeto pioneiro denominado “Meninas com Ciência” (MCC) que abordou, num bate papo descontraído entre as cientistas Amanda Bendia (Atrobióloga), Paola Ancajima (Entomóloga), Isabel Cortez e Carla Abranches (Paleobotânicas) e 30 alunas da rede municipal de ensino, sobre a importância do papel feminino na ciência, por exemplo.

O projeto é fruto da parceria entre a Meio Ambiente e Recursos Hídricos e a Secretaria da Educação e visa a integração, o conhecimento e a humanização da ciência no universo feminino.

Os participantes puderam entender mais sobre a natureza em palestras com biólogos renomados como Sérgio Rangel, explicando sobre preservação de fauna; e Paulina Arce, com borboletólogos convidados, falando sobre o evento e também sobre o habitat natural das borboletas.

No Espaço Kids, os pequenos puderam observar aves e borboletas e se divertir na Expedição “Caça aos Dinos”, comandada pela equipe do Borboletário de Osasco.

Também teve aula sobre reaproveitamento de alimentos com Solange Castanheira, do Instituto Pau Brasil, na oficina “Cozinha Sustentável”.

As sessões de FlashTalk (tradução livre do inglês de conversa espontânea) debateu temas curiosos como Meliponicultura Urbana (criação racional de abelhas sem ferrão), com André Matos; Práticas de Educação Ambiental no ensino Público, com Amanda Rocha e Maria Teixeira; Serpentes, com Alexandre Simeone; Luto em Animais não Humanos, com Andrews Fernandes; Borboletas e curiosidades com Aline Vieira,  Leonardo Murari e Fernanda Lelis; Desenvolvimento de Lagartas de Ithomiini em folhas de Diferentes idades, com Marcos Vinicius, entre outros.

A  equipe de educação ambiental da SEMARH preparou na entrada do Parque da Fito um
quiosque com doação de mudas de árvores frutíferas e uma Feira de Artesanato, com produtos dos artesãos da Economia Solidária de Osasco.

Acompanharam o prefeito, o secretário de Comunicação Social, Thiago Silva; os diretores de Fauna e Bem-Estar Animal, Fábio Cardoso, e de Educação Ambiental, Amanda França, entre outros.

Secretaria de Comunicação Social