Vans escolares não prestam serviço hoje em Osasco e região em apoio à greve dos caminhoneiros

Transportadores escolares de Osasco e região não prestam serviço nesta sexta-feira, 25, em apoio à greve dos caminhoneiros, que paralisam estradas por todo o país contra a alta no preço dos combustíveis.

Apesar de o governo Temer ter anunciado um acordo com representantes dos caminhoneiros na noite de ontem, as paralisações de estradas por todo o país continuam na manhã de hoje.

Em comunicado, a União dos Transportadores e Monitores Escolares de Osasco e região (Unitesco) declara: “Por favor senhores pais e responsáveis não levem seus filhos a escola por questões de segurança, os transportadores estarão aderindo ao movimento para não repassar reajustes para vocês”.

Há inclusive relatos de ameaças a transportadores escolares que não aderirem à paralisação desta sexta. Mensagens que circulam em grupos de profissionais do setor no WhatsApp dizem que os que prestarem serviço podem ter os pneus furados.

Em Osasco e em Cotia são realizadas carreatas reunindo dezenas de transportadores escolares em apoio à greve dos caminhoneiros.

—–
LEIA TAMBÉM:
Para economizar combustível, circulação de ônibus em Osasco é reduzida em 30% fora de horários de pico 
Postos de Osasco e região têm falta de combustível ou longas filas para abastecer
Prefeitura de Osasco pode pedir escolta para garantir abastecimento a veículos emergenciais
—–

 Créditos: Visão Oeste